Páginas

terça-feira, 12 de agosto de 2008

caridade


A CARIDADE

* Iniciar fazendo a leitura do Evangelho segundo o espíritismo: Capítulo VX - Fora da Caridade não Há salvação - O que é preciso para ser salvo. Parábola do Bom samaritano.


* Explicar que sem praticar a Caridade não tem como o espírito evoluir. Por isso que o mestre Jesus disse: "Fora da Caridade não há Salvação".

* A Caridade está ao alcance de todos: Rico, pobre, ignorante, sábio, budista, ateu... enfim, todos podem praticar.

* A caridade não é só colocar a mão no bolso e dar dinheiro, não é só material. Podemos dar um sorriso, um aperto de mão, uma abraço, uma palavra de carinho para um amigo que passa por problemas, se calar diante de uma ofensa...

* Quando for falar da caridade material, explicar também que temos que ter cuidado ao dar dinheiro para alguém, pois não sabemos o que essa pessoa vai fazer com esse dinheiro, se vai usar para comprar bebida e cigarro, pois assim ao invés de estarmos ajudando, estamos contribuindo para o erro do vício desse irmão. O mesmo cuidado devemos ter ao dar pacotes fechados de mantimento. Temos que dividir, dar a metade para aquele que precisa e a outra fica para nós. Primeiro porque podemos mais tarde precisar também, pode nos fazer falta e em segundo, porque esse mantimento pode ser trocado em um armazém por bebidas e cigarro.




Dinâmica: Brincadeira da escadinha com bonequinhos.

Material: Escadinha feita com palitos de picolé, ou qualquer outra escadinha. Bonequinhos de plástico pequenos (vende em armarinhos), sacolinha feita de papel, para colocar atrás dos bonequinhos, grãso de arroz e feijão.



Regras: Sortear a ordem dos participantes. Quem for o primeiro, deverá sortear um papel, que terá afirmativas. Exemplo: Sorteou a afirmativa 1, então ele sobe um degrau e ganha um grão de arroz, pois fez um ato de caridade. Se a criança sorteou a afirmativa 2, por exemplo, o bonequinho não sobe um degrau, ele fica no mesmo lugar, pois não praticou a caridade e com isso ganha um grão de feijão. E assim a brincadeira prossegue. Explicar que o espírito nunca regride, ele estaciona. O evangelizador deverá ir conversando com as crianças, no decorrer da atividade sobre essas afirmativas.

Afirmativas

1) Costumo ajudar as pessoas praticando a caridade.
2) Prefiro jogar fora a comida que sobrou do que dar a quem menos tem.
3) Um dia, estava na farmácia e um moço se aproximou e me pediu para comprar um remédio para ele, pois ele era muito pobre e então eu o ajudei.
4) Toda noite faço uma prece para pedir pelas crianças abandonadas.
5) Não costumo doar minhas roupinhas, que não uso mais, prefiro deixá-las guardadas.
6) Participo de campanhas para arrecadar alimentos, roupas, sapatos...
7) Visito os velhimhos no asilo e animo-os com palavras de carinho.
8) Quando faço minha prece, só peço por mim.
9) Ajudo minha mãe sem reclamar, com as tarefas da casa.
10) Sempre ajudo, mas espero algo em troca.
11) Ajudei minha mãe a arrumar a casa , só para ela me deixar ir na festinha.
12) Só dou atenção ao meu bichinho de estimação quando ele está doente.
13) Não consigo comer toda a comida, então deixo no prato.
14) Meu amigo faltou a a aula, então eu passei a lição para ele.
15) Não emprestei minha cola, pois ia disperdiçar.
16) Sou doador de órgãos. ( Essa questão causou polêmica durante a aula, muitos pensam que isso é um ato de caridade. Explicar que é um erro gravíssimo).





0 comentários: