Páginas

segunda-feira, 11 de junho de 2012

Diversas Categorias de Mundos Habitados.



Imagem retirada do Evangelho Segundo o Espiritismo para a Infância e Juventude Vol. 1.



CAPÍTULO III – Meu Reino não é deste mundo – Diversas Categorias de Mundos Habitados.


FAZER LEITURA DO TEXTO:


Diversas Categorias de Mundos Habitados.

Os espíritos nos ensinam que existem vários mundos, além do planeta Terra. E que ninguém fica para sempre nele. É tudo de acordo com a necessidade do espírito. Se hoje estamos na Terra é por que precisamos, mas à medida que vamos, nos melhorando, sendo bons, caridosos, amorosos com o nosso próximo, vamos morar em mundos mais evoluídos, ou seja, mundos onde a violência não domina tanto. Temos o que merecemos, há lugares para espíritos que ainda fazem o mal e lugares para espíritos que buscam o bem.

Cada encarnação é importante para que possamos subir mais um degrau, pois é uma grande oportunidade de poder nos tornar pessoas melhores, pois é um aprendizado para o espírito.

Adaptado por Soraia.


Explicar o que é uma encarnação. É o momento em que estamos vivendo aqui na Terra e que não estamos aqui para nos divertir.

Que a encarnação é algo sério, que se não for boa, quando desencarnarmos o nosso espírito ficará triste e terá que sofrer para aprender.


ANALISAR AS FIGURAS ABAIXO:


Explicar que são espíritos desencarnados.

Pedir que relatem o que entenderam do quadro 1 e quadro 2.

Fazer com que eles cheguem a conclusão que o desencarnado quando chega sorrindo e feliz, é quando não chega com as "mãos vazias" mais sim cheias de coisas boas praticadas na existência. A encarnação foi bem-sucedida.

Mais infelismente muitos chegam como o quadro 2, ou seja, envergonhados, porque nada de bom plantaram, viveu só a existência da matéria e faltou o lado espiritual.


Falar dos cuidados que devemos ter:

*O corpo físico: que é a “casa” do espírito e que Deus nos emprestou para aqui estarmos;

A importancia de uma alimentação saudável, não marcar o corpo com desenhos, pois o Pai não nos criou assim; Higiene do corpo e dos dentes;

Exercícios físicos também fazem bem...desde que com moderação e acompanhamento de um profissional para não criar lesões e prejudicar a morada do espírito.


*A escolha de amizades: não querer imitar os colegas, porque eles podem estar errados. Lembrar a história Maria vai com as outras, que fala da ovelha que seguia o que as outras faziam e no final se deu mal).

*Respeitar pai e mãe: que nos deram a oportunidade de ter uma “casa” que abriga o espírito;

*A não querer muito coisas materiais: porque corremos o risco de ficar nesse mundo ao desencarnarmos e não querer ir para o M. espiritual.


A encarnação como aprendizado para o espírito.

O que é aprender? O que vocês aprenderam até hoje? Ou seja, o que vocês já sabem fazer? Na escola, no lar...

Você já nasceu falando e andando? E o que foi necessário para que isso acontecesse? (querer, persistir...)

Explicar que todo o aprendizado é crescente, ou seja, do menor para o maior, pois passamos do mais fácil para o mais difícil. Entender que antes de andar precisamos engatinhar, porque é mais fácil para depois aprendermos a andar que é mais difícil. Á medida que vamos crescendo o que era difícil vai ficando mais fácil e aí virão outros desafios, coisas mais difíceis pra fazer. Mas para isso é necessário querer crescer ter vontade de aprender, de melhorar... é preciso que nos esforcemos. Como aprender a andar se não quer? Vai continuar só engatinhando.

Assim somos nós como espíritos, temos buscar melhorar. Aproveitar a nossa vida aqui na terra, mas aproveitar no sentido de entender o que nos é útil.

Mostrar a escadinha, explicar que cada um está em um degrau, por que se empenhou em estudar e aprender mais a ser bom. Cada vez que praticamos uma boa ação isso contribui para o nosso espírito evoluir, ou seja, subir mai um degrau.


*Enfatizar a importância de cada degrau.

Perguntar: Felipe está no degrau mais importante? Não.

Explicar que todos os degraus são importantes, pois como o Felipe chegou a este estágio sem subir o primeiro onde Alice está?


Durante a encarnação o que podemos aprender, que ajudará o nosso espírito a subir mais um degrau?

A compartilhar o alimento, a não desperdiçar água e comida, não apontar o colega, não querer o que não é seu, entender quando está errado e pedir desculpas...

Explicar que as vezes por causa de algo que a gente faz e que achamos que não tem importância, deixamos de subir um degrau.

Dinâmica da Estrela.

Material: Estrelas nas cores amarela e azul misturadas dentro da caixa; Giz e quadro.

Formação: Cada equipe, representa um ser que está encarnado que será desenhado na escada da evolução. Dependendo de duas ações ele sobe um degrau ou estaciona.

*As estrelas amarelas - suas ações, fizeram ele estacionar;

*As estrelas azuis - suas ações fizeram ele subir um degrau.

Dividir o quadro em dois lados, em cada um desenhar uma escada. (na fig.)

Desenvolvimento: Um aluno de cada grupo, por vez, sorteia uma estrela, onde atrás de cada uma terá uma afirmativa (estrela azul: positiva; estrela amarela - negativo). Ele lerá e junto aos colegas de sua equipe terão que dizer se o ser está evoluindo com aquela atitude ou não. Se sim, desenhar o espírito no 1º degrau, se não, ele estaciona, ou seja, fica no mesmo degrau até sortear outra afirmativa. Sendo positiva, desenhar o espírito no próximo degrau e assim por diante. Um grupo de cada vez. Todos terão que participar sorteando a afirmativa. Ao terminar, será contado o número de estrelas azuis e amarelas. O que tiver mais azuis evoluiu mais.


OBS: Explicar que não é competição e sim para eles aprenderem que dependendo de nossas ações, evoluímos ou estacionamos.



By Soraia Mendes.

(◕‿◕✿)


0 comentários: